• Grupo Exponencial

5 Dicas para tornar-se um consultor de empresas


Atualmente as empresas estão exigindo que profissionais especializados tenham capacidade de detectar problemas, para as ajudem a descobrir novas maneiras de adaptar-se e que sejam capazes de identificar oportunidades em meio à crise, essas pessoas são chamadas consultores de empresas ou coaches, por isso não é de estranhar, por exemplo, que apenas na Espanha, existam cerca de 200 mil consultores que se deslocam cerca de 13 milhões de euros por ano. Se você quer se tornar um consultor de empresas bem sucedido e fazer parte deste fascinante mercado, preste atenção às seguintes dicas.


1. Reconheça que área tem mais conhecimento e experiências para se tornar um consultor de empresas bem sucedido


Todos nós temos uma área de conhecimento onde temos experiências que podemos compartilhar, por exemplo, se você dirige muito bem a área de finanças e tiver vários anos de experiência trabalhando nele, você pode pensar em ser um consultor financeiro. Se sua área é talvez a contabilidade e teve boas experiências, você lida com os métodos mais recentes e informações sobre a área da contabilidade, você pode ser um consultor nesta área. Pense sobre qual área podes prestar consultoria, talvez seja no marketing, criação de empresas, vendas ou tecnologia.

Então, a primeira coisa é identificar qual área pode desenvolver-se, para que possas tornar-se um consultor de empresas bem sucedido.


2. Desenvolva seu Perfil como Consultor


Se você já tem uma carreira profissional e tiver trabalhado em seu campo de estudos, e possui conhecimento e experiência, mas para ser um consultor de empresarial deve adquirir um perfil muito específico, para que você tenha sucesso neste mercado, para isso deves frequentar aulas que adicionem o conhecimento que você adquiriu na universidade e no campo da consultoria empresarial. Também em vários países, para ser um consultor, precisa ser certificado, por isso é de vital importância que frequente aulas que certifiquem-lhe como um consultor empresarial.

Os cursos que vão formar você como coach ou consultor lhe darão habilidades de comunicador, programação neurolinguística, inteligência emocional para gestão de conflitos. Você será capaz de ouvir ativamente, você vai ter um alto nível de objetividade, poderá apresentar diretrizes para transformar fraquezas em fortalezas e, em geral, aprenderá tudo o que precisa para se tornar um consultor de empresas eficaz.


3. Forme uma equipe com especialistas, se for necessário.


Outra coisa a considerar quando você decidir se tornar um consultor, é que a assessoria pode incluir muitos aspectos empresariais: legais, jurídicos, contratuais, salariais, publicidade, produtividade, entre outros e que poderia associar uma equipe de especialistas em cada um dos ramos mais solicitados para você oferecer soluções para seus clientes.

4. É necessário ter vocação


Acredite ou não é importante, você precisa se casar com a profissão para que tenha sucesso, por isso é preciso ter vocação, ou, pelo menos, aprender a desenvolver habilidades, tais como:

  • Ser tolerante ao ouvir

  • Evite subjetividades e mostre uma postura imparcial

  • Ser um bom comunicador

  • Ser flexível

  • Ser estruturado

  • Ser versátil

Se você desenvolver essas habilidades e você gosta de resolver problemas dos outros ou ensiná-los a ver as coisas de uma perspectiva mais eficiente, te asseguro que você tem a vocação necessária para ser um consultor de empresas, em alguma área específica.


5. Promova-se e Faça sua publicidade


Já que você está no caminho para se tornar um consultor de empresas você deve fazer um plano para promover a si mesmo e ter uma boa base de clientes, para isso use as redes sociais, crie um blog onde você pode escrever semanalmente sobre temas de sua área, escreva para alguns jornais regionais, oferece palestras em eventos e universidades, entrevistas para rádio e, especialmente, torna seu trabalho extremamente bom, isso significa superar as expectativas de quem contrata você, esta premissa vai trazer mais clientes através da recomendação direta de empresas para o qual tenha dado o serviço.



1 vista0 comentarios